Saúde 01.18

Raios ultravioletas: qual a importância da proteção UVA e UVB?

Seja no verão ou no inverno, com sol aberto ou tempo nublado, somos constantemente lembrados da importância de utilizar filtro solar e óculos de sol com proteção contra raios ultravioletas. Mas, afinal, o que será que esses raios causam de tão ruim e qual a diferença entre eles?

Raios UVA

Graças à sua capacidade de ultrapassar as nuvens, esse tipo de raio incide o ano todo com a mesma intensidade (considerada média), independente da estação. Os raios UVA penetram nas camadas mais profundas dos tecidos, causando o envelhecimento das células e favorecendo o surgimento de doenças oculares.

Raios UVB

De alta intensidade, são mais comuns durante o verão e penetram superficialmente nos tecidos, aumentando as chances de tumores oculares. Como são bloqueados pelas nuvens, não estão sempre presentes.

Os perigos

Os raios ultravioletas UVA e UVB têm uma característica especial que os tornam especialmente perigosos: o efeito cumulativo. Além do câncer de pele, que também pode afetar as pálpebras, os raios vindos do sol também podem causar Fotoceratite, Catarata, Pterígio e Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI).

É importante, portanto, sempre comprar e utilizar óculos de sol que tenham os filtros contra raios ultravioletas. Vale lembrar que esses filtros não estão relacionados com a cor das lentes dos óculos e que as lentes polarizadas não necessariamente fornecem a proteção adequada. Quem usa lentes de contato pode optar por produtos que já ofereçam proteção UVA e UVB.

X